A Esperança está de Volta

104
Seguir
( 0 Seguidores )
X

Seguir

E-mail : *
FotoGilvan Silva

Depois de quase 08 anos de dois governos desastrosos, que deixaram o Município de Gravatá em estado de insolvência, parecer que Gravatá volta ao seu curso normal. O ano de 2016 chegou com muitas expectativas. Seja pelos resultados do processo de intervenção em curso, que está trabalhando para resolver problemas crônicos deixados por estes dois últimos Prefeitos. Seja por causa das eleições municipais que se avizinha.

Dois eventos já no início do ano, mostrou que é possível ter um Município prospero e dinâmico que venha a beneficiar a população com a geração de emprego e renda. O Primeiro evento foi o Carnaval. Com o apoio de vários pequenos empresários locais, do Deputado Federal Bruno Araújo e sob a coordenação do Ex-Prefeito Joaquim Neto, foi organizado o Carnaval Popular de Gravatá, evento que contou com vários Blocos e Agremiação dos quatro cantos da cidade, que de forma organizada fizeram a alegria de milhares de foliões e de muitos pais de família que comercializaram no corredor da folia.


“Dois eventos complementares que traz de volta a esperança do gravataense em dias melhores”.

O que conta nessa avaliação não é a criação de Blocos ou Agremiação, até porque todos eles participaram do Carnaval de 2015, mas a iniciativa do planejamento, da organização, do apoio necessário para a realização dos eventos, tendo em vista, as dificuldades, neste momento, que o poder municipal e estadual passa, sem as condições necessárias de contribuir com estes pequenos Blocos e Agremiações que fazer um carnaval localizado e mantendo suas tradições.

O segundo evento foi o Gravatá Jazz Festival, que colocou Gravatá novamente na rota do Turismo de Evento. Inicialmente visto com desconfiança, foi um sucesso. Tive a oportunidade de assistir duas noites e observei que o publico que anos atrás fizeram movimentar a economia da cidade e que foram embora por causa destas duas desastrosas administrações, estava de volta. O resultado foi uma maior ocupação nos hotéis e restaurantes e um maior fluxo de pessoas no comércio local.

Dois eventos complementares que traz de volta a esperança do gravataense em dias melhores. Tive a oportunidade de ver isso estampado do rosto de cada folião. Assim, as eleições que se avizinha tem um papel muito importante para não perdemos novamente o fio condutor da retomada do crescimento e desenvolvimento de Gravatá. A geração de emprego e renda e o equilíbrio da conta municipais é condição necessária para um futuro com sustentabilidade. Este debate tem que ser feito de forma equilibrada, sem açodamento ou vaidades, pois está novamente em jogo o futuro de povo de Gravatá.

Deixe sua opinião!