O Vereador e Presidente da Câmara de Vereadores de Gravatá, Léo do AR (PSDB), comemorou ao ser notificado pela sua assessoria que o Projeto de Lei Nº011 de 09 de Novembro de 2017, de sua autoria, onde proíbe o corte dos serviços de fornecimento de Energia Elétrica e Água no município, foi adotado pela Câmara de Vereadores de Maragogi, distante 166,8 km de Gravatá – PE.

O projeto foi aprovado em Gravatá e visa proibir à concessionária de energia elétrica (CELPE) e á empresa de fornecimento de água (COMPESA), o corte do fornecimento dos respectivos serviços no Município, por motivo de inadimplência de seus clientes, sendo das 12:00 (doze) horas de sexta-feira até às 08:00 (oito) horas da segunda-feira subsequente.

A presente proibição de corte de serviços se estende, também, às 12:00 (doze) horas do último dia útil antecedente a qualquer feriado (nacional. estadual ou municipal) e ponto facultativo municipal, até às 08:00 (oito) horas do primeiro dia útil subsequente.

Fico muito agradecido a todos da Câmara de Maragogi por ter adotado esse projeto de minha autoria que visa beneficiar a vida dos gravataenses tendo em vista que as fornecedoras vinham e suspendiam os serviços dos contribuintes nos finais de semana, onde não se faz pagamento em lotéricas ou bancos. Espero que outras cidades aqui de Pernambuco possam também adotar esse meu projeto para que mais pessoas sejam beneficiadas com essa proibição“, disse Léo do AR para o Política PE.

Deixe sua opinião!

Anuncie