Laudo aponta possível sabotagem em aeronave de Eduardo Campos

354

Em agosto de 2014, cerca de dois meses antes da eleição presidencial, a tragédia envolvendo o então candidato Eduardo Campos chocou o Brasil.

O avião que levava o político pernambucano caiu em Santos, no litoral paulista, matando também outras seis pessoas.

Nesta semana, peritos contratados pela família do ex-candidato divulgaram um laudo que aponta uma possível sabotagem na aeronave. Segundo o documento, os sensores de velocidade estavam desligados, o que pode ter influenciado os pilotos a tomarem decisões erradas.

O laudo ainda não foi publicado na internet, mas o Sistema Brasileiro de Televisão (SBT) teve acesso ao documento, como pode ser visto na reportagem acima.

Deixe sua opinião!