Presidente da Câmara de Gravatá, Léo do Ar Repudia o Governador Paulo Câmara

460

O presidente da Câmara de Vereadores de Gravatá, Léo do AR do PSDB, emitiu ao Política PE, na manhã desta quinta-feira (13), uma nota de repúdio expedida ao Governador de Pernambuco, Paulo Câmara do (PSB), após ele ter “ordenado o enfrentamento do Batalhão de Choque com os técnicos e auxiliares de enfermagem efetivos do Estado“. Confira a Nota abaixo.

NOTA DE REPÚDIO

O Presidente da Câmara Municipal de Gravata, Sr Leonardo José da Silva, vem a público repudiar a atitude de desrespeito do Governador de Pernambuco, Sr Paulo Câmara, que ordenou o enfrentamento do Batalhão de Choque com os técnicos e auxiliares de enfermagem efetivos do Estado, os quais estavam realizando manifestação pacifica e foram surpreendidos e coagidos com a ação do Batalhão de Choque, onde estavam mulheres grávidas e outras idosas, com o objetivo de reivindicar melhoria do salário, o qual está sendo pago o valor de R$774,00 (Setecentos e setenta e quatro reais), que é inconstitucional, pois, nenhum trabalhador pode receber menos de um salário mínimo, afetando a dignidade do ser humano, como também não recebem outros direitos legais.

Os profissionais estão no seu décimo quinto dia de greve e o Governador não dialoga com a classe de servidores

LEONARDO JOSÉ DA SILVA (PSDB)
Presidente da Câmara de Vereadores de Gravatá

Deixe sua opinião!

Assine agora mesmo nosso grupo no WhatsApp e seja o primeiro e saber de tudo!

ASSINAR GRUPO VIP GRÁTIS

- - anuncie aqui - -

Anuncie