Seguem normalmente os trabalhos nas “Casas de Legislação” em nosso Estado

806
Foto: Reprodução/Google Street View

Por: André Rodrigues

Geralmente, uma Câmara Municipal é denominada como ‘Casa do Povo“. Na verdade, assim deveria ser pelo proposto em seu contexto de atuação, no entanto, a “Casa do Povo“, composta por Vereadores eleitos sob a égide de elucidação dos – quase – eternos problemas parecem não mais produzirem elementos que se dispunham a firmar compromissos e honrá-los. O que na prática se observa são escândalos exorbitantes e ações contrárias em benefícios próprios.

Assim, enquanto o Presidente da Câmara de Jaboatão dos Guararapes, Vossa Excelência, Vereador Adeildo da Igreja (PSDB/PE) é intimado para se manifestar quanto ao pedido de liminar para instaurar a CPI DO COMPLEXO, no prazo de 03 dias e apresentar a juíza Adriana Karla, da 2ª Vara da Fazenda Pública de Jaboatão, os vizinhos, Vossas Excelências, Vereadores do Município do Cabo de Santo Agostinho, sem alarde acrescem em 100% a verba de indenização para gastos com fins de combustíveis e como se trata de um elemento do Legislativo, a resolução nem necessitou passar pelo Prefeito em exercício e foi validada pelo Presidente da Câmara naquele Município, o Vereador Neto da Farmácia (PDT/PE).

A conclusão mais plausível para o enfrentamento de notícias como estas são: seguem normalmente os trabalhos nas “Casas de Legislação” em nosso Estado. Lamentável.

Deixe sua opinião!

Assine agora mesmo nosso grupo no WhatsApp e seja o primeiro e saber de tudo!

ASSINAR GRUPO VIP GRÁTIS

- - anuncie aqui - -

Anuncie