Traições de Bruno Martiniano

195

Bruno Martiniano

Gravatá tem um Prefeito que não cumpre nada, não respeita o povo e que está acabando com a cidade desanimando toda a população, muitas pessoas se reclamam que o Prefeito Bruno Martiniano não reconhece quem o ajudou tanto tempo para ele conseguir ser Prefeito e agora depois que sentou na cadeira acha que ganhou a eleição sozinho e que não precisa de mais ninguém para Governar.

Se formos observar e lembrar as diversas pessoas que o atual Prefeito Bruno Martiniano traiu não tem papel e caneta que de conta, alguns não compactuaram a forma de Bruno administrar e se afastaram como o Vice-Prefeito Rafael Prequé, que mesmo se não tivesse se afastado, Bruno trataria do afastamento, pois o Vice-Prefeito viria as coisas erradas praticadas por Bruno e secretários, depois do rompimento do Vice-Prefeito aconteceu o afastamento de diversas pessoas que o apoiaram e ajudaram durante anos, só de Secretários municipais já foram 12 entre eles o de Saúde Dr Denis, que se recusou em assinar empenhos suspeitos e o Secretário de Governo Marcos Paiva, a quem muitos consideram o maior erro de Bruno, pois Marcos é quem administrava as grandes [M….] e maus tratos que Bruno costuma praticar no seu dia-a-dia, Os Vereadores alguns são suspeitos sendo oposição de dia e de noite Governo, mas sem dúvida na hora de salvar a pele dificilmente algum vereador vai querer ficar com Bruno na próxima eleição de 2016 sabendo dos seus 90% de rejeição.

ARMANDO MONTEIRO  e   EDGAR MOURY

Entre todas as pessoas que o Prefeito de Gravatá Bruno Martiniano traiu o dois considerados pior pela traição e a língua solta do Prefeito é o SENADOR ARMANDO MONTEIRO a quem Bruno recusou apoio a Governador na eleição de 2014 e ainda falou que não o apoiaria por falta de apoio para Gravatá, pois o Prefeito hoje esquece que Armando trouxe moral e apoio para ele ganhar a eleição 2012, mas de todos a pior traição, covardia e língua solta de Bruno foi com o Ex-DEPUTADO EDGAR MOURY FERNADES a quem considerava o Prefeito como filho, amigo de seu Pai Drº Sebastião Martiniano e pessoa que ficou perto de Bruno nas derrotas e dificuldades de saúde sofridas, ajudou o Prefeito financeiramente e com respaldo e na hora que Edgar mais precisou para se eleger Deputado Federal, Bruno deu as costas e não o apoiou dizendo que não devia nada ao Ex-Deputado.

Hoje o Prefeito Bruno costuma gozar com as pessoas que hoje não está com ele, mas que já foram úteis na sua caminhada, para se ter um exemplo o Prefeito com sua língua solta e afiada chama Edgar Moury de “velho” e Armando de “atrasado”, costuma ficar dando gargalhadas em varandas de restaurantes, zombando de supostas procurações e acusações feitas pelo Ex-Deputado para incriminar o Prefeito por irregularidades graves de desvio de dinheiro. O Prefeito que se Diz “Fodão” também diz que “a justiça tem o valor e eu tenho o dinheiro, não dá em nada essas coisas de Edgar”, Diz que “O Azulzinho está afetando a cabeça do velho” se referindo a Edgar Moury. Essa falta de respeito reflete em toda sua equipe que também tem o mesmo comportamento desrespeitoso com as pessoas que trabalham e que são submisso a eles, gritam em todos os lugares que se Dinheiro ganhar eleição Bruno já está reeleito.

Direto da Redação: Wendell Santiago, Colunista do VC DE OLHO

Deixe sua opinião!